Diretor e roteirista Marcos Bernstein, Meu Pé de Laranja Lima

“Trabalhei com Kathia Calil no filme MEU PÉ DE LARANJA LIMA, que será lançado em 2012. Ela faz o papel de Jandira, uma das irmãs de Zezé, o personagem que conduz a história do longa. É em torno dessa família que o menino sofre, fantasia, e amadurece antes do tempo. E é Jandira uma das molas propulsoras dessa sua transformação. Ela é a irmã auto-centrada, que não compreende o vigor criativo e as angústias do garoto, e por isso mesmo não se faz de rogada de seguir o exemplo do pai e bater no menino quando necessário, mesmo que chegue a arroubos de violência.

O elenco pedia jovens atores e por isso fiz testes para os papéis dos irmãos. Alguns personagens demandaram muitos testes até acharmos os atores que queríamos. Mas para Jandira, poucos fizemos. Num grupo seleto, Kathia me foi apresentada pelo preparador de elenco, Bruno Costa, e logo fechamos nossa escolha em torno dela. E foi uma escolha feliz.

O talento que demonstrou no teste não só se confirmou nas filmagens, como Kathia também se mostrou uma atriz dedicada e parceira. Isso porque além de encarar a preparação de elenco com empolgação e dedicação, também se colocou à disposição de Bruno para ajudar no trabalho de preparação dos atores mirins, utilizando sua formação mais sólida como atriz. Mais ainda, se disponibilizou para a produção para fazer suas cenas como opção de filmagem em dias de chuva, não importando ser chamada às pressas para se postar diante das câmeras.

Infelizmente, o roteiro pedia poucas cenas de Jandira, mas, pela qualidade que colocou nelas e por tudo que disse acima, creio que Kathia tem um belo caminho a sua frente, no qual poderá mostrar em papéis cada vez maiores seu talento e dedicação.”                                      

                                                                      

 Diretor e roteirista Paulo Leierer, O Que Tem Pra Hoje

“Trabalhei com a Kathia na série O Que Tem Pra Hoje, onde filmamos mais de 20 esquetes de humor, sempre com um texto e um personagem diferente. Posso ressaltar, aqui, a versatilidade que ela tem como atriz e a compreensão plena que ela tem, não só do texto cômico em si, mas também de como extrair o melhor resultado de si mesmo em prol da risada, a partir de seus próprias ferramentas.
Não só, mas ela nunca teve medo do risco. Sempre propondo e experimentando em cima do personagem, Kathia com certeza vai ser um rosto conhecido nos anos que se seguem.”

                                                                                   

 Diretor e roteirista Tiago Arakilian, Polidoro

“Kathia foi uma aposta da produtora de elenco Ciça Castello que a defendeu para fazer o papel de uma dançarina no filme Polidoro. Logo no inicio, percebi que ela aceitou o desafio com talento e compromisso. Tivemos uma ótima empatia e o resultado foi surpreendente. O filme está em fase final de montagem e ainda será lançado em 2017. Para aqueles que buscam uma atriz talentosa, aqui registro minha recomendação.”

                                                                                                      

 Diretor e roteirista Jean Claude Billmaier, Sofia

“Tive o prazer de trabalhar com a Kathia durante as filmagens do meu curta-metragem, “Sofia”, em que ela preencheu o papel principal. Durante o exaustivo processo de audição, Kathia, destacou-se entre cinqüenta outras atrizes interpretando o personagem de uma maneira silenciosa e expressiva. Durante os ensaios e as filmagens, Kathia provou ser um grande membro da equipe, oferecendo suas sugestões e acrescentando ao projeto. Ela era muito fácil de trabalhar, e eu ficaria muito grato em trabalhar com ela em projetos futuros.”

                                                                                                

Professor Bill Hopkins, Palissade Films

“Kathia estudou interpretação para cinema comigo aqui em New York City. Ela é muito talentosa, madura e profissional. Sempre mostrou muita consideração pelos seus colegas de cena e achei uma alegria trabalhar com ela. Ela tem diversas possibilidades de papéis, uma vez que parece tão jovem, mas já tem uma experiência que lhe permite desempenhar papéis mais maduros do que se poderia esperar. Kathia também é muito engraçada e funciona em cenas com situações cômicas. Kathia é muito fotogênica e completamente à vontade em frente à câmera.”

                                                                                                              

Anúncios